cartasdeumsegredo

Archive for Dezembro 2011

Éh… o final do ano se aproxima e nesse período sempre fazemos balanços. Balanço do que foi positivo e negativo. Novas promessas são feitas. Novos sonhos são planejados. É um novo começo que se aproxima.

Ano Novo na minha opinião cheira a recomeço. É como se tudo fosse zerado e novamente tivessemos a chance de fazer diferente… É como se Deus, nos permitisse outra oportunidade. É o momento de respirarmos fundo e dizer:

– bem… mais um ano acabou e um outro cheio de esperanças estar chegando.

Esperanças de fazer melhor.

É nesses momentos que percebemos que a vida é dinâmica. Ela não te diz:

 – olha vou  ali,  e aguardo você decidir o que deseja da vida.

Ela simplesmente corre, como se esses últimos minutos fossem os últimos. E realmente são… por que o ontem jamais voltará, o agora é um presente, é nossa obrigação fazermos o melhor que podermos,  e o futuro é algo que só pertence a Deus.

Mudanças são necessárias… por que o ser humano necessita de mudanças. Você já imaginou se permanecessemos eternas crianças??!! nunca teríamos a alegria de poder amadurecer… ter as primeiras experiências na adolescencia, mesmo que traumaticas pra uns, e nem tanto pra outros… casar, ter filho, envelhecer… tudo isso faz parte da vida.

Eu quero ter chegado a velhice, depois de tantos “anos novos“, e poder dizer: – Pelo menos tentei… e tenho memórias lindas!!! que nem a morte é capaz de tirar-las, vivi momentos inesquecíveis, conheci lugares de tirar o fôlego, por que em cada  Ano Novo  que vivi,  eu estava cheia de esperanças e o gostinho do novo sempre cheira melhor.



  • Nenhum
  • Francisco: quer casar comigo. te amo
  • cartasdeumsegredo: ok muito obrigado, já fiz a alteração da autoria, peguei o texto da net, infelizmente ñ é muito confiavel.
  • Carlos Henrique: O texto é da escritora gaúcha Sara Maria Binatti dos Anjos e não do Jabor.

Categorias